Divulgação informativa e cultural da Escola Secundária/3 Camilo Castelo Branco - Vila Real

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Dia Mundial da Luta Contra a SIDA

No dia 1 de dezembro de 2014, pelas 11h, os alunos da ESCCB assinalaram o dia Mundial da Luta contra A SIDA, na Praça do Município, com a construção de um laço humano, usando para o efeito uma peça de roupa vermelha. Também a turma C do 10º realizou a dramatização "Eu não corro riscos", com o objetivo de sensibilizar a comunidade escolar para a prevenção do contágio do hiv/ SIDA, através do uso do preservativo




quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Cante Alentejano - Património Imaterial da Humanidade


Renascença V+Ver todos os videos
Cante alentejano. O vídeo que ajudou a convencer a Unesco
Património Imaterial da Humanidade

Rádio RenasceçaMais informação sobre este video

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Colaboração no Boletim Cultural



Prémios em outubro

Duas turmas da escola Camilo Castelo Branco obtiveram o 1º prémio no Concurso de trabalhos sobre o aleitamento materno.
          Entre os dias 6 e 12 do passado mês de outubro decorreu a Semana Mundial do Aleitamento Materno. Neste âmbito, decorreu uma exposição de trabalhos de alunos de todas as idades espalhados por todo o Distrito. A exposição foi mais tarde avaliada por um júri misto, e resultou num premiado por ciclo escolar.
           Enquanto os alunos do 9ºB foram premiados com o melhor trabalho do 2.º/ 3.º Ciclo, as alunas do 11ºF foram distinguidas com o melhor trabalho do Secundário.
          O empenho de todos os alunos participantes resultou numa exposição muito interessante e dois prémios para a nossa escola.

Beatriz Patarata

11ºF
Trabalhos premiados.

A exposição no Centro Comercial Dolce Vita Douro.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Divulgação das Exposições na Camilo



Durante os próximos 15 dias, as exposições presentes na escola serão divulgadas no painel digital junto ao Mercado Municipal.


 Visite-as e dê-as a conhecer!

domingo, 9 de novembro de 2014

Exposição " Charivari"

A 1 de Dezembro do ano 1832 é distribuído gratuitamente, em França o primeiro número do semanário humorístico ilustrado "Charivari", com a tiragem inicial de duzentos mil exemplares. A exemplo do que aconteceu noutros Países, e cinquenta e quatro anos depois, em 1886, é publicado no Porto um jornal humorístico com a mesma designação. De formato 325x225mm, com o peso de 4 gramas, composto por oito páginas, conjugando o texto impresso com os desenhos litografados. Para além de noticiar factos e eventos relevantes do país e do estrangeiro, este semanário reservava espaço privilegiado à ilustração, usando-a como uma "arma" de feroz, crítica e sátira política, social e económica do país. Aspeto relevante é o facto, de para além das figuras nacionais, surgirem nas suas edições retratos a carvão de personalidades da região norte que se distinguiram nos mais variados domínios de atividade. De salientar a qualidade das magníficas ilustrações da autoria de José de Almeida e Silva e de Joaquim Maria Pinto, este último nascido no Porto na Freguesia da Sé, a 12 de Janeiro de 1838, falecendo na mesma cidade a 30 de Novembro de 1904.
Premente de atualidade a revisitação das ilustrações do semanário humorístico “Charivari” presenteia-nos com a atualidade da sua sátira política, económica e sócio-cultural do País.
Numa altura em que tanto se fala de défice estrutural a vários níveis, podemos encontrar nesta publicação do último quartel do século  XIX, já perfeitamente diagnosticados, alguns dos males endémicos que sistematicamente contribuem para perpetuar o nosso atraso em relação aos países europeus mais desenvolvidos. O “Charivari”, seguindo o exemplo da célebre “Geração de 70”, através da ilustração satírico-caricatural, cumpriu eficazmente o seu papel de observador atento e crítico da realidade portuguesa, procurando desse modo, potenciar as dinâmicas de mudança, já então necessárias para obstaculizar como dizia Antero de Quental, à decadência deste povo peninsular.
A presente coleção é do Clube de Colecionadores de Gaia a quem prestamos o devido agradecimento.

 


terça-feira, 4 de novembro de 2014

Exposição "A Química entre nós"

No âmbito da colaboração com a Comissão Nacional da UNESCO, a propósito do Programa Educativo Programa GEA – Terra Mãe, patrocinado pela Bayer Portugal, a escola acolhe até janeiro de 2015 a Exposição “A Química entre nós” .  Estão ainda programadas a participação no Concurso “A Química entre nós”, a organização de uma ação de formação e a vinda à escola da professora da Universidade de Coimbra, Maria José Moreno, autora da obra Terra Vita Sadia (Juvenil).
Estas iniciativas, em parceria com a CNU e o Comité Português para o Programa Internacional de Geociências da UNESCO, têm como objetivo promover junto desta importante Rede UNESCO, temáticas UNESCO, com particular enfoque na ciência ao serviço da sociedade e numa perspetiva de educação para o desenvolvimento sustentável. Assim, espero que de facto se sintam encorajados a connosco colaborar, em parceria com a CNU e o Comité Português para o Programa Internacional de Geociências da UNESCO.

O Programa GEA – Terra Mãe está a ser promovido em parceria com as Comissões Nacionais de Cabo Verde e S. Tomé e Príncipe, aguardando-se a adesão da CNU- Timor Leste. Está, igualmente, a ser promovido no Brasil, mais propriamente no Geoparque Araripe, no Estado do Ceará.





sábado, 1 de novembro de 2014

UNESCO - Concurso Ano Internacional da Luz



 (Clique nas imagens para aumentar)

Para mais informações sobre regulamento e boletim de inscrição contacte
o coordenador SEA UNESCO
Professor João Costa

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Exposição "Charivari - Semanário Humorístico Ilustrado"

No próximo dia 3 de novembro, pelas 18h 15m, será inaugurada a Exposição "Charivari - Semanário Humorístico Ilustrado", no espaço de exposições da Biblioteca.
Trata-se de uma oportunidade rara de ver de perto um conjunto de 48 quadros de originais de desenhos satíricos de uma publicação secular, impressa no Porto, numa tipografia a vapor, nos finais do Século XIX (1887-1891). As ilustrações são um retrato da época, representando uma mordaz crítica social, política e económica do país. 
A coleção, organizada pelo Clube de colecionadores de Gaia, chega até nós ao abrigo da parceria da BE com a Fundação Casa-Museu Maurício Penha.
A exposição estará aberta a toda a Comunidade durante o mês de novembro.


A coordenadora da Biblioteca,
Adelaide Jordão

Dia nacional da luta contra o cancro da mama

No dia 30 de novembro, os alunos do 9ºB dinamizaram atividades relacionadas com o dia nacional da luta contra o cancro da mama.  Distribuíram panfletos informativos sobre o auto-exame da mama e os sinais de alerta para o diagnóstico precoce da doença. Também ofereceram laços cor de rosa, símbolo desta efeméride.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Relembrando Manuel Serrão

Em nome da comunidade escolar, o À Procura deseja uma rápida recuperação ao Professor Doutor Manuel Serrão, vítima de um atropelamento, na proximidade de sua casa.
Relembramos a sua presença , numa preleção dada no auditório, no dia 18 de março de 2014.



Ver mais em:

Dia Mundial da Alimentação

A equipa do Gabinete +, em colaboração com a equipa de Saúde Escolar ( Centro de Saúde n.º 1), assinalou ontem o Dia Mundial de Alimentação.
Para essa iniciativa,  os alunos do 9.º ano foram convidados a apresentar uma receita de sopa. No âmbito dos trabalhos, realizou-se uma decoração com os alimentos utilizados na sopa e com uma panela tradicional. Destacou-se ainda um quadro comparativo, em termos nutricionais, entre as sopas instantâneas e as sopas tradicionais.


sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Formação - Modelos de pesquisa

Ontem, pelas 16.30h,  a Coordenadora Interconcelhia da RBE, Dra. Rosário Caldeira, apresentou a sessão de formação "Modelo Big 6: Seis passos para a elaboração de um trabalho de pesquisa". Esta iniciativa, integrada  no âmbito da implementação do modelo de pesquisa Big 6, foi dirigida ao corpo docente da escola.


terça-feira, 7 de outubro de 2014

Dia Nacional dos Castelos

Castelo de Bragança.

Castelo de Chaves.

Castelo de Guimarães.

Torre de Moncorvo - Pormenor de muralha do castelo.

Fotos: João Costa

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

In memoriam



O À Procura recorda o escultor Espiga Pinto e a sua passagem pela escola. Nesta foto, a explicação da capa do livro" O Rio que perdeu as margens", de António Cabral, apresentado no Auditório da escola, em 2007.

terça-feira, 30 de setembro de 2014

sábado, 27 de setembro de 2014

Dia Europeu da Línguas

Durante o dia de ontem, celebrou-se o Dia Europeu das Línguas com a apresentação de um projeto audiovisual no átrio principal da escola, a par de uma exposição de trabalhos de alunos realizados nas disciplinas de Espanhol, Francês,Inglês e Alemão.

O Conselho da Europa encoraja  a aprendizagem de mais línguas aos 800 milhões de europeus dos 47 estados-membros, promovendo assim uma maior compreensão intercultural de um rico património cultural europeu.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

III Festival de Estátuas Vivas de Vila Real

O Museu da Vila Velha comemora as Jornadas Europeias do Património e o Dia Mundial do Turismo levando a cabo a terceira edição do Festival de Estátuas Vivas de Vila Real, no próximo dia 27 de Setembro, entre as 15h e as 18h. Realizado na Vila Velha, local emblemático de Vila Real - por ser o local de origem da cidade e espaço de grande procura por quem a visita -, o Festival visa reunir estátuas humanas, ou seja, pessoas devidamente caracterizadas que se mantêm imóveis reagindo ao estímulo do tilintar de uma moeda ou à passagem de um visitante mais atrevido. Com inscrições abertas a todos os interessados, a visita ao Festival é gratuita. O Festival de Estátuas Vivas de Vila Real é organizado pela Associação Quimera de Fantasia, em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Real (através do Museu da Vila Velha), e conta com o apoio da Escola Secundária Camilo Castelo Branco, Instituto Português do Desporto e Juventude, Casa Lapão e LAVRADORES DE FEITORIA.

 In https://www.facebook.com/events/516493525152762/?ref_newsfeed_story_type=regular



sábado, 13 de setembro de 2014

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Ouro em Nanjing

O À Procura destaca a participação dos atletas Maria Miguéis Teixeira e Daniel Lopes  nos Jogos Olímpicos da Juventude Nanging 2014.
Ver mais em:
http://comiteolimpicoportugal.pt/fechar-com-chave-de-ouro/

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Dramatizações na aula de História

A realização de dramatizações é uma das estratégias mais eficazes no desenvolvimento de competências e na consolidação de conhecimentos numa aula de História. Constitui, também, uma forma de promover o gosto e o interesse por esta disciplina. No decorrer do ano letivo de 2013- 2014, foram desenvolvidas diversas estratégias deste género por turmas dos 7º e 8º anos. Aqui, alunos do 7º A, documentam duas dramatizações sobre a época medieval.




Texto e imagens:
Álvaro Pinto

segunda-feira, 7 de julho de 2014

Alunos da " Camilo" no Pentatlo Moderno em Nanjing - 2014



A FPPM agradeceu o apoio prestado pela Escola à componente académica do aluno Daniel Filipe Lopes, durante os últimos 2 anos nos quais integrou o Alto Rendimento (IPDJ) pela Federação Portuguesa de Pentatlo Moderno. Destacou ainda o empenho da escola e a importância do desporto para a formação dos jovens, tal como como a sua contribuição para a presença portuguesa em Nanjing.
Também a aluna Maria Miguel Teixeiratransferida recentemente para a ESCCBVR para frequentar o 10º ano em 2014/15, atleta integrada no Alto Rendimento (IPDJ), conseguiu o apuramento Olímpico para Nanjing 2014,sendo já o terceiro pentatleta de Alto rendimento, depois de Ivan Simões e Daniel Lopes. Desta forma,  para a FPPM,  a escola revela-se uma instituição de ensino de referência nacional.


Daniel Lopes numa prova de tiro, na Semana Camiliana, março de 2012.

Presença portuguesa em Naijing 2014
 ver mais em: http://comiteolimpicoportugal.pt/faltam-100-dias-para-nanjing/

quinta-feira, 19 de junho de 2014

ONU abre concurso para jovens profissionais


Candidatos devem ter 32 anos ou menos até o final de 2014. Brasil e Angola estão entre os países selecionados para este ano. As áreas de atuação são Economia, Direitos Humanos, Tecnologia da Informação, Fotografia, Assuntos Políticos e Produção de Rádio (em árabe, chinês, espanhol, suaíle e russo). Período de candidaturas vai de 14 de junho a 26 de agosto de 2014.
Saiba mais em http://bit.ly/T7eQVY

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Dia Mundial do Ambiente

A borboleta refugia-se no ar puro. Preservemos o azul.
Foto: João Costa

Sinto-me e sinto o mundo

O Girassol


Hoje sinto-me como um girassol em pleno verão, sempre a seguir os passos de alguém como se fosse a minha luz. Mas não é, pois a minha luz é apenas uma…. A luz do meu quarto. Ela sim é a minha companhia, apesar de atrair os mosquitos, que me deixam em forma de carne picada. Pensando que não, eu já desabafei muito com ela, que ouve e não conta nada. Era uma amiga destas que eu precisava. Sendo assim, não confio em quase ninguém, apenas na luz do meu quarto. 

ANA LUÍSA MORAIS SALGUEIRO, 7ºA,  Nº2


Hoje, sinto-me com muita energia, sinto a harmonia, sinto-me com vontade de conhecer mais.
Estou cheio de energia para jogar e brincar á bola, e estou com vontade de conhecer mais sobre este mundo que ninguém conhece realmente.
Este mundo que não é o que parece, um mundo imaginário, porque por detrás desta capa só existe ódio e inveja.
Este mundo que não dá uma segunda oportunidade aos que erraram.
Este mundo que não admite erros, ou ideias diferentes das da sociedade.
Eu sonho com um mundo onde todas as ideias, diferentes ou iguais sejam aceites, ao contrário deste mundo cruel.    
Anónimo, 7ºA,   
         
Hoje sinto-me como uma “star”, a minha princesa faz-me sentir filha da lua, isto é, sou a primeira a nascer da noite. Como a lua precisa da terra para orbitar em volta dela, eu preciso da minha princesa para ser feliz. Mas afinal quem é a minha princesa?                         
A princesa é o sol! É o pai! A lua é a mãe, afinal são eles que me protegem. A terra é a minha mana. Se eu sou estrela e me chamo Daniel então o sol pode ser uma princesa que se chama Horácio. A terra é uma mana diferente, é a minha mana e o nome dela é…

DANIEL CONDE, 7ºA,  Nº7                                                                                                 


Hoje sinto-me como uma semente.
As sementes são pequenas, mas é assim que todas as árvores grandes começam. Ao início, as pessoas acham as sementes uma coisa insignificante, mas depois, quando a semente, que era pequena, começa a transformar-se numa árvore e dá frutos, as pessoas começam a tratar bem a árvore, regando-a todos os dias, só porque esta começa a dar frutos. Esquecem-se que tudo começou numa semente, e que essa semente, por a acharem insignificante, teve que lutar sozinha para conseguir a uma árvore.
É assim que eu me sinto, como uma semente que ainda tem muito para crescer e mostrar o seu valor, só aí terei a devida atenção das pessoas.

Tiago Boal Koehnem,
Nº 18, 7ºA

Hoje sinto-me como uma ave numa gaiola.
A ave dentro de mim simboliza a liberdade de escolhas e opções, mas estes aspectos são condicionados pela gaiola que evoca os horários e os compromissos.
Mais concretamente, a gaiola é a escola, os testes e as aulas que, ironicamente, me dão liberdade de pensamentos e conhecimentos e que, em contrapartida, me deixam ansiosa.
A liberdade é o poder pensar por mim própria, poder voar por um mundo onde o saber é uma fonte preciosa, sendo acessível e infinita, mas faz contraste confinando os desistentes de a alcançar na dimensão fechada do seu conhecimento.
A ave é a ambição de um futuro promissor noutro lugar.
A gaiola é a raiz que me prende às minhas origens, que não é necessariamente um motivo de tristeza ou desespero.
Se me sinto mais livre do que limitada é um mistério, mas na vida a antítese prevalece diariamente, não só pela forma como nos sentimos como nas decisões que temos de tomar.

Lia Melo,

Nº 14, 7ºA

quarta-feira, 4 de junho de 2014

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Entrega de Prémios - Concurso " Agricultura Familiar" - Comissão Nacional da UNESCO


Vencedor - Fotografia - Categoria  Ensino Secundário - Jessica Asunção - 10.ºI

O trabalho premiado.
Entrega de prémios: DrªAnna-Paula Ormeche e Drª Fátima Claudino ( UNESCO), Jessica Assunção, Drª Margarida Soares, representante da Escola Secundária Camilo Castelo Branco - Vila Real.

Visita ao Jardim Botânico.


Fotografia: Margarida Soares